“Better Call Saul” engrena na 2ª

better-call-saul

Uma beleza o elogio de Francine Prose no “The New York Review of Books” a “Better Call Saul”. A “prequência”, no português infame também da Netflix (“prequela” é ainda pior), de “Breaking Bad” pegou voo próprio na segunda temporada, “mais forte, engraçada e focada que a primeira”.

A série está longe de ser o prato requentado servido a fãs com uma variação de temperos, comum no menu dos “spinoffs”, julga a escritora.

À parte sua originalidade, diz Prose, o desempenho de primeira linha dos atores, a qualidade dos diálogos, roteiros e da edição de imagens, o que faz o seriado ser tão bom é uma relação afetuosa com os personagens e o pendor humano conferido a tipos angustiados, enérgicos, nunca unidimensionais.

Bob Odenkirk (“Slippin’ Jimmy”, Jimmy Lisura ou algo assim, o herói da série antes de se converter em Saul Godman, o advogado defensor de magnatas do tráfico) cresce a cada episódio. Seu embate moral com o irmão Chuck (Michael McKean) tem fumos de boa tragédia e nos leva muitas vezes a reavaliar ideias e juízos instantâneos.

Prose encanta-se especialmente com a advogada meio amiga meio namorada de Jimmy, Kim Wexler (Rhea Seehorn): “Ela nos lembra mais uma pessoa conhecida que um personagem de TV”, compara, favoravelmente à psique atrofiada imposta a atores de séries como “The Good Wife”.

Um artigo sobre “Better Call Saul” no “NYRB”, suprassumo da inteligência literária nos EUA e uma referência mundial, atesta a qualidade do gênero. A telessérie, diz o que já é lugar-comum, absorveu grande parte do talento que servia Hollywood.  Há um excelente documentário de Martin Scorsese, “O Argumento de 50 Anos”, sobre a história da revista, disponível na HBO pelo serviço NET/Now.

Em um dos episódios da segunda temporada, Jimmy conta a melhor piada que conheço sobre o tema. Sabe o que um advogado e um espermatozoide têm em comum? Uma chance em três milhões de se tornarem um ser humano.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s