Enredos de Tchekhov

Escola maranhense
O “banheiro” da escola maranhense

O JN mostrou esta semana uma escola no Maranhão adaptada em um barracão de pau a pique, sem luz elétrica e banheiro, onde uma mesma sala abriga alunos de três séries do ciclo básico.

E o MGTV deu o estado da periferia de Santa Luzia, com o típico esgotão a céu aberto e crianças permanentemente expostas à merda e à doença.

Em Neves, há uma escada cortada no barranco pelos moradores para terem acesso ao lotação. Mulheres vivem despencando dali, alguém disse.

As cenas lembram contos de Tchekhov. Há muito atraso em defender um governo, qualquer governo, de um país que conserva tais enredos.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s