A boa nova de um livro de Hannah Arendt

The Jewish Writings
Capa da edição do livro em inglês.

Boa notícia, na “Folha” de ontem, a publicação no Brasil de um novo livro de Hannah Arendt. “Escritos Judaicos” chega agora em junho, pela editora Amarilys. Traz ao público um manuscrito da autora encontrado por Jerome Kohn. A edição em inglês é de 2008.

Segundo o jornal, o texto foi escrito provavelmente em Paris, no final dos anos 1930. Logo depois, a filósofa seria enviada ao campo de Gurs, em 1940.

Eis dois parágrafos do trecho de “Antissemitismo” publicado pela “Folha”.

(…)

“Que os judeus sejam a fonte do antissemitismo é a maliciosa e estúpida sabedoria dos antissemitas, que, com esta simples crença diabólica, pensam poder explicar hecatombes de sacrifícios humanos e montanhas de papel requerendo assassinato, pilhagem e incêndio. Mas os judeus fizeram desta a sua própria sabedoria e com ela provaram, como necessário, a atemporalidade do antissemitismo ou a atemporalidade da missão judaica no mundo.

Por mais politicamente insignificantes que sejam as teorias desse tipo, nossos inimigos atribuem a elas um significado eminentemente político assim que, miseravelmente irrefletidas, elas aparecem entre nós –como trapos tirados do baú empoeirado do século 19 para vestir um povo que foi perseguido, que passou por “pogroms”, e converter isso tudo em um conto de fadas de príncipes e princesas.”

(…)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s